Rodrigo Savazoni

Jornalista, escritor e realizador multimídia

Nuvem de tags

Tags

Arquivo

Arquivo


A CULTURA DIGITAL NO MINISTÉRIO DA CULTURA

Fiz uma fala desrespeitando os cinco minutos que me foram oferecidos no debate sobre #culturadigitalbr lembrando que hoje estamos, publicamente, restabelecendo o espaço de diálogo entre o Ministério da Cultura e as forças vivas que atuam no campo da cultura digital. Reiniciamos esse diálogo sabendo que parte do movimento que construiu pontes com a gestão… Continuar leitura

O FACEBOOK E A CENSURA DA DIVERSIDADE

Mais um caso de censura no Facebook. Desta vez, a empresa de Mark Zuckerberg censurou uma instituição do Estado brasileiro. Não há limites para o poder dessa rede social privada, que vem dragando boa parte do encanto da internet. A foto censurada é esta que republico aqui. Dentro em breve ela provavelmente estará novamente fora… Continuar leitura

DE VOLTA PARA O PASSADO E FELIZ

Reposto aqui o texto que escrevi no meu perfil do Facebook. Espero que seja o último escrito por lá. Há alguns anos o Roberto Taddei criou uma campanha que se chamava “Troque seu Orkut por um Blog”. Nas nossas discussões sobre cultura digital, antevíamos o mal que as ferramentas privadas de redes sociais poderiam fazer… Continuar leitura

NOTAS SOBRE A CONSTRUÇÃO DE UM JORNALISMO LIVRE

“O que a Radiobrás está fazendo agora é extremamente importante para o movimento internacional do Creative Commons, porque é uma instituição de credibilidade que está reconhecendo que o verdadeiro valor de sua contribuição para a cultura é dar ao povo acesso a conteúdos nos quais ele possa aprender e utilizar no próprio trabalho criativo. Acho… Continuar leitura

A LINGUAGEM LIBERTADA

“A busca de uma realidade exige uma linguagem capaz de captá-la” (Marcos Faerman) O jornalista Marcos Faerman publicou um texto na revista Versus, nos anos 70. Chama-se Palavras Aprisionadas. Faerman desacorrentou palavras em seus anos de vida e jornalismo. Era um repórter. Ainda é possível ser repórter hoje em dia? Ou melhor, a reportagem ainda… Continuar leitura

NOVO LIVRO: A ONDA ROSA-CHOQUE

A onda rosa-choque está na rua. Organizei esse livro em fevereiro deste ano, com artigos acadêmicos, jornalísticos e entrevistas que produzi nos últimos três anos. Vieram as Jornadas de Junho e ventos oriundos de novos rumos (ou não?). Sem dúvida, veio ainda mais forte a necessidade de nos debruçarmos sobre as transformações culturais, políticas e… Continuar leitura

Sobre como a #REDE pensa a cultura

Fiz uma busca simples no manifesto da #REDE. Busquei a palavra cultura. Ora, ninguém que quer enfrentar os novos tempos, o contemporâneo, deixaria de se debruçar sobre o papel da cultura na reorganização econômica, política e social planetária. Um número não facilmente quantificável de pensadores e escritores se debruçou sobre a atual fase do capitalismo,… Continuar leitura

Cultura livre no programa de governo de Haddad em SP

Elaboramos um decálogo para as eleições municipais que foi compartilhado inicialmente aqui no Trezentos. Esse documento, escrito e validado por muitos ativistas e militantes das redes culturais, foi entregue ao candidato Fernando Haddad, da coligação encabeçada pelo Partido dos Trabalhadores (PT), que se comprometeu em incorporar o conteúdo elaborado ao seu programa de governo. Na… Continuar leitura

Seminário em Madri para debater economia da cultura

Na semana que vem ocorre em Madri, com organização da Secretaria Geral Ibero-Americana (SEGIB), um encontro para debater economia da cultura nos países da Iberoamérica. A ideia é que o encontro subsidie políticas e ações para os países que compõem essa organização internacional. Participo dos debates, com outros quatro brasileiros: Juca Ferreira (Ministro da Cultura… Continuar leitura

Decálogo por uma cidade digital livre, inovadora e inclusiva

A principal proposta dos ativistas da cultura digital livre para a eleição em São Paulo é a criação de uma agência municipal de fomento para o desenvolvimento de tecnologias colaborativas, abertas e promovidas por coletivos e indivíduos, com o objetivo de fazer de São Paulo um polo global da sociedade informacional. Essa principal proposição se… Continuar leitura